BUSCAR POR:
Atendimento
(32) 3532-4279
Clínica e Cirugia de Olhos - Drº Paulo Larocc

Clínica e Cirugia de Olhos - Drº Paulo Larocca

Laser em Oftalmologia

Os lasers atuam por fotocoagulação, fotodisrupção ou fotoablação.

Na Fotocoagulação, a luz do laser é dirigida para o tecido, é absorvida pelo pigmento presente no mesmo, transformando-se ek energia térmica, que causa a elevação da temperatura e coagulação do tecido,produzindo uma cicatriz.A fotocoagulação é utilizada pelos lasers de xenônio, rubi, argônio, criptônio e dióxido de carbono.

O yag laser é utilizado quando há necessidade de cortar ou fazer um orifício, ou abertura, numa membrana ou tecido.Assim suas principais indicações são capsulotomia posterior (após a cirurgia de catarata), iridectomia, abertura de membranas e ruptura de traves no segmento anterior do olho, remoção de depósitos de pigmento na superfície da lente intra-ocular e tratamento de cistos da íris.

Toda pessoa antes de ser submetida a qualquer cirurgia, tem o direito de saber quais são suas vantagens.Assim, o paciente antes de ser submetido à ceratectomia fotorrefrativa, nome dado à cirurgia refrativa com excimer laser, precisa receber as seguintes informações:

Deve-se usar lentes de contato após a cirurgia refrativa, porque ao ser realizada a cirurgia, as terminações nervosas da córnea ficam expostas, o que causa dor intensa, especialmente pelo contato da área fotoablada com a face interna da pálpebra.O uso de lentes gelatinosas, a qual evita o toque cireto da pálpebracontra a superfície da córnea, pode reduzir consideravelmente a dor, ou mesmo torná-la insignificante.Alente deverá permanecer no olho até a reepitelização da córnea, o que ocorre após 48 a 72 horas.Se a mesma sair do olho não poderá ser recolocada, devido ao riso de infecção, devendo o paciente procurar o médico, ou sua auxiliar, para a colocação de uma lente nova e estéril.

Existe também um procedimento chamado de LASIK, que é resultante da associação de ceratomileuse com a plicação de excimer laser.Um corte é feito na córnea, levantando-se uma "aba",utilizando-se um aparelho chamado microcerátomo.O corte é incompleto ficando a aba preso à córnea por uma de suas extremidades.O laser é aplicado no leito da córnea onde foi retirado a aba, que é recolocado em posição após a aplicação, e fica novamente aderido ao tecido subjacente em 3 a 5 min,sem necessidade de suturas.

As vantagens em utilizar a tecnica de LASIK são: pouca ou nenhuma dor, recuperação e estabilização mais rápida da visão, não há necessidade de uso prolongado de colírios de corticosteróides no pós-operatório e incidência menor de "haze".

As desvantagens são: trata-se de um procedimento cirurgico mais conplexo e mais agressivo, apresenta complicações menos frequentes,porém mais graves e seu custo é mais alto.Este tipo de procedimento não é recomendável para mulheres grávidas ou en fase de amamentação, pois, a gravidez pode determinar mudanças na curvatura corneana, alterando o resultado da cirurgia.Os medicamentos usados, tanto sistêmicos quanto tópicos, podem chegar até o feto através da corrente sanguínea, ou ao lactente através do leite materno, podendo causar prejuízos a sua saúde.

É muito importante que se controle a pressão ocular após a abertura da capsula posterior com laser, pois pode acontecer o aumento da pressão ocular principalmente nas primeiras horas .Em 90% dos casos, após 1 semana, a pressão já retornouaos seus níveis normais.Entretanto,é recomendável medir-se a pressão ocular 1 ou 2h após o tratamento e novemente após 24 h.O uso de medicação tópica, como pilocarpina e timolol, ou medicação oral, como a acetazolamida, pode prevenir a ocorrência de hipertênsão ocular e danos ao nervo óptico.As causas prováveis da elevação da pressão são o acúmulo de detritos na malha trabecular, produzidos pela aplicação do laser, uma reação inflamatória causada pela onda de choque, ou ainda o rompimento da barreira hematoaquosa, aumentando a produção de humor aquoso.

Na atualidade, o laser substitui em quase 100% dos casos o bisturi de diamante, usado na ceratotomia radial e arqueada.Ele é mais preciso e causa menos complicações.No futuro, muito provavelmente, teremos lasers ainda de melhor qualidade, com maior eficiência e precisão, causando menos danos aos tecidos oculares, e que poderão ser usados em associação com outras técnicas, proporcionando resultados ainda melhores.

 

l Mesmo sendo uma cirurgia bastante precisa e bem-sucedida na imensa maioria dos casos, ele poderá ficar com algum grau de miopia, astigmatismo ou hipermetropia, podendo mesmo necessitar de uma reoperação. l Poderá ter uma perda de uma ou mais linhas na acuidade visual, usando a melhor correção.l  Como em qualquer procedimento cirúrgico, há risco de infecção,que pode levar a um comprometimento da visão. Embora a possibilidade desta complicação ocorrer seja muito pequena, todos os cuidados devem ser tomados, visando a sua prevenção. l Uma porcentage peuqena de pacienes pode apresentar "haze", com intensidae suficiente para reduzir a acuidade visual, na su agrande maioria, temporariamente. l Todas as pessoas, bem ou malsucedidas com a operação, ficarão présbitas após os 40 anos de idade e poderão necessitar de correção visual para perto. l Existem estudos mostrando uma relação de regressão do efeito cirúrgico com a exposição à radiação ultravioleta, sendo recomendável o uso de óculos escuros , com filtro UV, durante os primeiros 6 meses de pór-operatório, evitando-se também ficar sob a luz do sol por tempo prolongado, como acontece nas prais ou nos clubes. l Mais de 90% dos pacientes atingem a acuidade visual 20/40 ou melhor, em 2 a 4 semanas após a cirurgia.
Endereço: Rua Monsenhor Paiva Campos, N°110 Centro - Ubá - Minas Gerais - CEP 36500-000
DV9 Soluções Digitais

DV9 Soluções Digitais

As informações contidas neste site têm caráter informativo e educacional. NÃO devem ser utilizadas para auto-diagnóstico, auto-tratamento ou auto-medicação.
Quando houver dúvidas, um médico deverá ser consultado. Somente ele está habilitado para praticar o ato médico, conforme recomendação do CFM.
There were watch makers taking apart and assembling trademark movements of replica watches uk their manufactures, engravers creating special components as well as enamel dial painters and replica watches strap-makers. So let's begin by discussing this blend of fine watch exhibitions and a few of watch making's most challenging crafts. We will start with the watchmakers, the men who were working with unbelievable discipline and diligence in this noisy and replica watches tumbling environment. I am certain that every watch enthusiast will be familiar with that particular mixture of rolex replica sale fascination, curiosity and amazement generated by the sight of a fine movement seen through a sapphire case back. At SalonQP some highly replica watches uk acknowledged movement manufacturing brands allowed visitors to get a much better view than any transparent case back would allow as they presented uncased examples of some of replica watches uk their most remarkable calibers.